Usina de Arte João Donato dá as boas vindas aos seus novos alunos

Começamos esta semana certos de duas coisas: a primeira é que fazer cultura exige de nós, que além muita iniciativa, tenhamos também muita ação; a segunda, e para nós a mais importante, é ver esta ação rendendo frutos, o que se conclui pelos mais de cento e vinte alunos que se matricularam até semana passada nos cursos técnicos oferecidos pela instituição. Isto porque a equipe responsável pela administração do Mediotec (programa do Governo Federal, que visa a profissionalização de jovens e adultos – anteriormente denominado Pronatec) visitou muitas escolas públicas da capital, apresentando o programa para os alunos de 1º e 2º anos do ensino médio, público-alvo do programa.

 Turma concentrada nas atividades do curso técnico de desenho

 

Com a proposta de formar profissionais aptos para o mercado de trabalho, dia 7, segunda-feira, tiveram início 5 turmas, Teatro, Documentação Musical, Produção de Áudio e Vídeo e Artes Visuais e Processos Fotográficos. E hoje, 14, terão início mais 4  novas turmas desses cursos, com exceção de Processos Fonográficos.

Marcelo Zuza, professor responsável pelas aulas de Artes Visuais, diz que o objetivo da Usina de Arte é tentar fazer com que os jovens já saiam dos cursos com uma profissão, seja pelas artes visuais, pela música ou produção, aptos a exercer funções no mercado de trabalho. “Mas, além disso, nós esperamos que esses alunos saiam daqui transformados, com uma visão do mundo diferente do que quando entraram aqui”, diz ele.

alunoKaelliton se mostra empolgado com as possibilidades do curso para seu futuro.

 

Kaelliton Lima de Souza é um dos alunos matriculados no curso técnico de Artes Visuais. “Estou empolgado com as possibilidades que este curso pode me trazer, com as possibilidades que terei no mercado de trabalho no futuro”, disse ele entre um traço e outro no papel, sob a orientação de Zuza. “O curso de Artes Visuais tem o intuito de estimular e revelar novos artistas plásticos na cidade, despertando nos jovens esse gosto pela arte e pela cultura”, diz o professor.

Com as melhores expectativas para os próximos meses, Zuza não deseja apenas fazer parte da formação destes alunos, mas contribuir para instigar neles o interesse pela cultura. “Além de habilitados profissionalmente, acredito que os cursos da Usina contribuem para a formação de cidadãos com um maior interesse na cultura. Assim, espero que, ao findar dessas atividades, tenhamos mais gente frequentando os museus, galerias e demais espaços culturais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: